Segunda, 23 de Maio de 2022
24°

Poucas nuvens

Barras - PI

Tecnologia Equatorial

Equatorial amplia capacidade da Subestação Esperantina PI no norte do estado

Obra conta com investimentos de R$ 4,1 milhões e vai beneficiar mais de 61 mil clientes em 13 municípios do Norte do Estado

04/06/2021 às 11h03
Por: Direto da Redação Geral Fonte: Assessoria de imprensa
Compartilhe:
Assessoria de Comunicação
Assessoria de Comunicação

A Equatorial Piauí segue trabalhando com o objetivo de garantir importantes melhorias no fornecimento de energia aos consumidores piauienses. As obras de ampliação da Subestação Esperantina, por exemplo, estão a todo vapor e em breve vai trazer diversos benefícios para a população de 13 municípios do estado. 

“Trata-se de uma obra de ampliação de potência na subestação Esperantina, ou seja, está sendo adicionado um transformador 138k/69kV com potência de 24/32/40 MVA. A iniciativa visa aumentar a disponibilidade de energia elétrica, melhorando os níveis de tensão e índices de confiabilidade, além de disponibilizar maior rapidez no retorno da energia caso ocorra uma interrupção no fornecimento. São pontos que vão contribuir de forma efetiva com a melhoria da qualidade de vida dos moradores da região”, afirma o Líder Obras de Alta Tensão da Equatorial Piauí, Luiz Lima de Sousa. 

Na Subestação Esperantina já foram investidos aproximadamente R$ 4,1 milhões e a ampliação de potência vai beneficiar 61 mil clientes dos municípios de Esperantina, Batalha, Morro do Chapéu do Piauí, Matias Olímpio, São João do Arraial, Campo Largo, Porto, Nossa Senhora dos Remédios, Luzilândia, Joca Marques, Madeiro, Joaquim Pires e Murici dos Portelas. Na rede da Subestação ainda foram construídos 2 km de novos alimentadores (linha de média tensão). 

“Na cidade temos um fornecimento de energia bastante regular e acredito que essa obra vem para melhorar ainda mais a qualidade dos serviços e assim a população continuar a realizar as atividades ao longo do dia, além de utilizar diariamente da melhor forma aparelhos com TV, ventiladores, geladeiras, entre outros”, afirmou Deusinete Ferreira, moradora de Esperantina.   

A ampliação da Subestação Esperantina para 138kV iniciou em setembro de 2020 e tem previsão de ser energizada no final de junho deste ano, representando importante reforço a longo prazo para o eixo das subestações Esperantina, Matias Olímpio e Luzilândia.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias