Quarta, 19 de Janeiro de 2022
86981126420
Saúde H3N2

Sesapi confirma primeira morte por gripe H3N2 no Piauí; vítima é idosa de 72 anos

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesapi) confirmou nesta sexta-feira (31) o primeiro caso de morte no Piauí pela gripe H3N2

31/12/2021 12h45
Por: Direto da Redação Geral Fonte: Cidade Verde
Foto: Roberta Aline/ Cidade Verde
Foto: Roberta Aline/ Cidade Verde

Atualizada às 12h11

A  Secretaria de Estado de Saúde (Sesapi) confirmou nesta sexta-feira (31) o primeiro caso de morte no Piauí pela gripe H3N2. 

De acordo com a Sesapi, a vítima é uma idosa de 72 anos, natural da cidade de Barras. A paciente estava internada no Hospital da Polícia Militar, em Teresina, e faleceu no último dia 25 de dezembro. 

A investigação epidemiológica confirmou laboratorialmente que a morte se deu em decorrência do vírus H3N2. O caso estava sob investigação e os resultados foram liberados no dia 28. 

Ainda conforme informações da secretaria, o Piauí tem nove casos confirmados por H3N2. 

As orientações das autoridades de saúde são as mesmas de prevenção para o coronavírus, ou seja, para que população siga os protocolos sanitários fazendo uso de máscara, higienização das mãos e evitando aglomeração.

Caso haja presença de sintoma de síndrome gripal, com febre, falta de ar, indisposição, que impossibilite as atividades normais, a recomendação é procurar uma unidade de saúde. 

Sesapi confirma casos 

Na última quarta-feira (29), a Sesapi confirmou nove casos da H3N2. O Piauí foi um dos últimos estados a registrar a presença da doença no Brasil. 

Os casos foram diagnosticados eram de Monsenhor Gil, Teresina e Timon. O caso identificado como da vizinha cidade maranhense foi encaminhado para o município.

Do total de casos, eram cinco pessoas do sexo masculino e cinco do sexo feminino, com faixas etárias que variam de 11 a 85 anos.

Transmissão alta e diagnóstico 

Segundo informações repassadas pela Sesapi, a nova variante da Influenza, a H3N2, tem uma transmissibilidade alta e a única forma de diagnóstico para a cepa H3N2 é por meio de avaliação de painel viral. 

Os exames realizados no Piauí são feitos no Laboratório Central (Lacen), testando 12 tipos de vírus diferentes. 

Teresina 

Em Teresina, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) divulgou que estuda ampliar o número de Unidades Básicas de Saúde (UBS) que são exclusivas para o atendimento a síndromes gripais. 

Assim, quatro UBS e o Hospital do Monte Castelo vão passar a atender, exclusivamente, à síndrome gripal. No entanto, devido a alta demanda, esse número será ampliado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias